Compostores e Resultados Práticos

Hoje vazámos pela segunda vez um dos compostores mais antigos, separando alguma palha não compostada nos rebordos e topo, que serviu de cobertura de solo para várias árvores. A restante matéria, foi arejada, molhada e adicionada ao composto finalizado que temos utilizado nos vasos, covetes de germinação e na horta, mas que vai ficar em repouso durante alguns dias para o peneirarmos.

Criámos ainda um novo compostor entre a oliveira e a alfarrobeira. Esperamos que as mesmas se desenvolvam mais rápido e se mantenham nutridas. Esse foi o resultado que observámos nas duas ameixeiras e pereira que estão entre os compostores iniciais e que estão carregadas de fruta neste momento. O Sabugueiro que lá temos ao lado, cresceu uns 500% desde que foi plantado ao lado do compostor, já deu imensa flor e está agora a dar bagas! 😉

Leave a Reply