Desenvolvimento da Espiral das Três Irmãs

Temos estado mais atentos ao desenvolvimento do milho fora e dentro do sistema de espiral em consociação com feijão e abóbora, para conseguirmos perceber as grades vantagens. Independentemente dos resultados finais, neste momento percebemos que em cinco semanas passámos de plântulas pequeninas a plantas maduras, quase prontas a reproduzir. O feijão neste sistema, cresceu muito mais do que aquele que plantámos afastado do milho e a abóbora começa agora a desenvolver-se e a cobrir o solo.  Temos várias sementes de milhos diferentes, plantadas em diferentes semanas e estamos desejosos de ter na mão as nossas primeiras massarocas adaptadas para podermos plantar ainda mais quantidade no próximo ano. Os que foram plantados há mais tempo já se estão a reproduzir como se vê nas imagens! 😉

Antes e Depois:

Feijão a trepar pelo milho / Inflorescência Feminina(espiga) / Inflorescência Masculina (Pendão)

Leave a Reply