Espaço a meio de Julho

Este é o primeiro verão a que assistimos tantos dias seguidos nublados e com pouco Sol. Temos gerido o melhor possível a nossa utilização energética, pois não tem sido possível produzir a habitual quantidade de energia fotovoltaica comparativamente ao que costumamos obter em dias de Sol. Felizmente a temperatura mantém-se amena e agradável ao contrário de outros locais do país que estão num braseiro. A horta continua a dar comida, os animais a pôr ovos e nós a avançarmos com vários projectos em simultâneo! Em anexo encontram algumas imagens que refletem um pouco do aspecto do nosso espaço nos últimos dias! 😉

Dando resposta a tudo o que há para fazer

Com o Sol mais tímido aqui pela região esta semana colhemos, plantámos, limpámos, restaurámos, cuidámos… Enfim, trabalhámos com poucas pausas para dar resposta a tudo o que havia para fazer. Recebemos uma visita guiada a um mesmo grupo que tínhamos recebido em 2016. São apoiantes que vieram até cá beber um pouco mais da nossa experiência, para levarem respostas concretas para a construção do seu projecto pessoal. Comprovaram que o solo nutrido ao longo deste tempo, está a devolver-nos em fertilidade e comida verdadeira. Obrigado Manuela, Fátima e Pedro. Boa sorte para o vosso projecto! Não se esqueçam de nos ir actualizando. Esta semana demos ainda um volta de reconhecimento aqui pelas nossas bandas e encontrámos um Oásis no meio do deserto! Sempre que fazemos algumas expedições ao exterior, aproveitamos para procurar espaços naturais de onde observamos essencialmente e onde muitas vezes conseguimos recolher sementes! 😉

Se reconheces valor no nosso trabalho, fica a saber como nos podes apoiar em: https://bit.ly/2HDZBkv

Já conheces os nossos produtos ecológicos? Fica a conhecê-los em: https://bit.ly/2pgxNZi

Queres visitar o nosso espaço e aprender mais? Reserva já a tua visita aqui: https://bit.ly/2FfHrBq

Entrada em Julho

Com a entrada no novo mês, estamos todos em onda de festejo, pois celebramos a quarta “volta” ao Sol da nossa menina, felizmente com este verão tímido e agradável para se poder brincar e celebrar na rua. Nos últimos dias iniciámos também a preparação dos espaços, para a chegada do nosso conceito de oficina de trabalho móvel, que irá decorrer daqui a breves semanas, após a base de trabalho estar concluída. A serventia, os espaços e os caminhos estão prontos para serem utilizados confortavelmente e a horta está a evoluir de dia para dia, com mais comida a chegar em breve. As Nêsperas já foram e agora estão em alta, os Figos, os Alperces e Pêras que já estão a ser consumidos e que bem docinhos estão! 😉 Aproveitamos também esta época em que o Sol está mais “alto”, para corrigirmos a posição do nosso painel fotovoltaico para os 30º de inclinação, de forma a podermos “espremer” mais alguns preciosos amperes do sistema! 😉

Nutrir para Colher e Evitar Desperdício.

As últimas duas semanas foram de loucos e não temos parado um segundo. Temos feito um pouco de tudo. Remoção/controle de canas e ervas; Limpeza de caminhos; Plantio, colheitas e transformação; Recuperações de mobiliário e equipamentos electrónicos. Aqui no projecto, o nosso solo está a regenerar-se a um bom ritmo, aguenta melhor a humidade e está mais rico e nutrido. Até o que colhemos, de ano para ano, está cada vez mais saboroso. Além do nosso trabalho no terreno, temos recuperado material electrónico funcional, que encontrámos literalmente no “lixo” e ainda mobiliário de madeira para lá caminhava se não nos tivesse sido doado.

Em relação à mesa de cabeceira, tratámos de limpá-la muito bem, por dentro e por fora. Retirámos as mossas e marcas de copos e ainda tinta que lhe tinha caído em cima. Por fim lixámos todas as peças e aplicámos protector de madeira. Ficou pronta e já está em funcionamento!

O computador que encontrámos estava funcional, foi só mesmo uma questão de limpar o interior, o exterior e o Sistema Operativo. Não coloquem este tipo de artigos funcionais no “lixo” ou na “reciclagem”. Há também ainda, outra espécie de “mamíferos invertebrados” que aceitam doações para partirem tudo, desmantelarem e venderem para o “ferro velho”, não se importando se os equipamentos estão funcionais ou se podem ter uma segunda vida ou não. Doem a quem precisa ou a quem pode colocar estes produtos a bom uso e com bons destinos. Não temos capacidade nem logística para recolher tudo o que nos oferecem, mas tentamos pelo menos contribuir para a resolução de uma parte do problema, canalizando recursos para onde faz sentido.

Mais três Canteiros

Hoje o dia foi todo aplicado na expansão da horta. Monda manual, abastecimento de pontos de água para pássaros e polinizadores, manutenção dos espaços, recolha de sementes e colheita de alimentos. Felizmente já me sinto com mais força para atacar manualmente o que há para fazer e tive a ajuda das duas meninas cá de casa. Enxada, ancinho, luvas e toca de cortar toda a matéria vegetal dos espaços a ocupar com novos canteiros de produção alimentar. Como sempre, aplicámos mais uma vez o método “no dig” (Não Cavar), e o método “Lasagna” (Por camadas) para cobertura do solo. Removemos as ervas pela base sem retirar raízes, cobrimos o solo com bastante cartão molhado, por cima uma camada fina de palha, e no final todas as ervas que tínhamos retirado anteriormente. Regar tudo muito bem para manter a cobertura, e palha, o cartão e o solo húmido e daqui a uns dias está pronto para ser plantado. O dia foi duro e longo mas estamos com uma horta cada vez maior. A ideia será, de futuro, ter todo o espaço que ainda está livre, coberto de alimentos.

Se reconheces valor no nosso trabalho, fica a saber como nos podes apoiar em: https://bit.ly/2HDZBkv

Já conheces os nossos produtos ecológicos? Fica a conhecê-los em: https://bit.ly/2pgxNZi

Queres visitar o nosso espaço e aprender mais? Reserva já a tua visita aqui: https://bit.ly/2FfHrBq

Manutenção e Preparação para o Verão

No início desta semana atacámos forte e feio na monda manual e no suporte dos tomateiros, na limpeza de caminhos e no controle de ervas indesejadas e também na gestão das espécies anuais e perenes, que temos prontas para ir para a terra. Aproveitámos ainda para colher medicinais para chá e para produzirmos os nossos óleos macerados, que irão dar origem a novos produtos de cuidado e manutenção da pele. A cama de rede está montada, a mesa de refeição no exterior pronta a ser utilizada diariamente e o Tipi no centro da horta, pronto para receber os “índios” que cá vierem brincar.

Se reconheces valor no nosso trabalho, fica a saber como nos podes apoiar em: https://bit.ly/2HDZBkv

Já conheces os nossos produtos ecológicos? Fica a conhecê-los em: https://bit.ly/2pgxNZi

Queres visitar o nosso espaço e aprender mais? Reserva já a tua visita aqui: https://bit.ly/2FfHrBq

Horta / Jardim Comestível – Final de Maio

Como imaginam, muito trabalhinho para manter a horta bonita, com disponibilidade de humidade no solo e a funcionar para todos os envolvidos no processo de produção de alimento ecológico. Trazemo-vos um update fotográfico de como está neste momento a nossa Horta / Jardim Comestível.