Andámos perdidos por aí

Durante alguns dias fomos dar uma mãozinha aos nossos amigos da montanha! Entre caminhadas pela montanha e banhos no rio, andámos perdidos por lá a usufruir do que resta de espaços menos alterados pela mão humana. Aproveitámos para descansar um pouco ao mesmo tempo que ajudámos quem precisava das nossas competências. instalámos um pequeno sistema fotovoltaico com material reutilizado a uns e fizemos uma limpeza do Génio de Maçã a outros. Revisitámos alguns amigos, visitámos outros pela primeira vez e voltámos mais ricos destas experiências, prontos para continuar a fazer evoluir o nosso projecto! Obrigado a todos, vcs sabem quem são! Abraços do fresco Oeste para as quentes montanhas do centro de Portugal. Até já! 😉

O espaço em Agosto de 2019

Sem dúvida com condições climatéricas diferentes, este Agosto tem sido de “Sol fechado”, húmido e quente. Mesmo assim, a horta continua a dar-nos comidinha da boa e temos novos canteiros já a evoluir para uma próxima época produtiva. Depois do grande trabalho dos últimos meses que culminou com a instalação da Oficina móvel, foi necessário fazer mais alguns restauros de equipamentos que permitiram adaptar e colocar o interior funcional, para os trabalhos relacionados com os nossos serviços de apoio ao projecto. O Abrigo Hobbit está de novo disponível para os serviços de massagem e neste momento temos todos os espaços funcionais e prontos para arrancar com actividades. Neste momento preparamos-nos para uma pausa de celebração, reflexão e programação dos próximos passos evolutivos e deixamo-vos algumas imagens do que foi a nossa semana e do aspecto do espaço nesta primeira semana do mês! 😉

Preparação da Base para a nossa Oficina Móvel

Ontem e hoje foi só trabalhinho daquele que só é bom quando está acabado. Desde a colocação ontem, da tela anti-ervas, debaixo do Sol escaldante, a estar hoje, a descarregar os materiais e a trabalhar à chuva, Bem… A lidar com pó de pedra, depois com o mesmo pó de pedra molhado, sempre naquele esforço contínuo durante cinco horas, para ter isto pronto ao final do dia. Esforço nos braços e nas costas, para colocar cada pedra dos limites individualmente, a puxar e a repuxar brita com o ancinho…, tudo isto ao mesmo tempo que estou sozinho a fazer o trabalho, a suar litros e as moscas constantemente em cima de mim, na cara, na cabeça, nas costas, nas mãos… Ou seja, mesmo para esquecer. A melhor parte de todas é que a base está pronta e em breve contamos receber o último conceito sobre rodas que criámos recentemente! 😉

Se reconheces valor no nosso trabalho, fica a saber como nos podes apoiar em: https://bit.ly/2HDZBkv

Já conheces os nossos produtos ecológicos? Fica a conhecê-los em: https://bit.ly/2pgxNZi

Queres visitar o nosso espaço e aprender mais? Reserva já a tua visita aqui: https://bit.ly/2FfHrBq

Espaço a meio de Julho

Este é o primeiro verão a que assistimos tantos dias seguidos nublados e com pouco Sol. Temos gerido o melhor possível a nossa utilização energética, pois não tem sido possível produzir a habitual quantidade de energia fotovoltaica comparativamente ao que costumamos obter em dias de Sol. Felizmente a temperatura mantém-se amena e agradável ao contrário de outros locais do país que estão num braseiro. A horta continua a dar comida, os animais a pôr ovos e nós a avançarmos com vários projectos em simultâneo! Em anexo encontram algumas imagens que refletem um pouco do aspecto do nosso espaço nos últimos dias! 😉

Recuperação de Equipamentos e Futura Oficina de Trabalho

Esta semana, recuperámos mais três equipamentos a caminho do aterro, que estão neste momento completamente funcionais. Felizmente estamos na recta final de termos a nossa Oficina / Estúdio móvel de trabalho pronta, para evoluirmos um pouco mais. Em breve, vamos poder contar com mais espaço para catalogar e armazenar, com áreas dedicadas a ferramentas e materiais, espaços para a concepção e execução de projectos novos, restauros, reparações, etc…

Dando resposta a tudo o que há para fazer

Com o Sol mais tímido aqui pela região esta semana colhemos, plantámos, limpámos, restaurámos, cuidámos… Enfim, trabalhámos com poucas pausas para dar resposta a tudo o que havia para fazer. Recebemos uma visita guiada a um mesmo grupo que tínhamos recebido em 2016. São apoiantes que vieram até cá beber um pouco mais da nossa experiência, para levarem respostas concretas para a construção do seu projecto pessoal. Comprovaram que o solo nutrido ao longo deste tempo, está a devolver-nos em fertilidade e comida verdadeira. Obrigado Manuela, Fátima e Pedro. Boa sorte para o vosso projecto! Não se esqueçam de nos ir actualizando. Esta semana demos ainda um volta de reconhecimento aqui pelas nossas bandas e encontrámos um Oásis no meio do deserto! Sempre que fazemos algumas expedições ao exterior, aproveitamos para procurar espaços naturais de onde observamos essencialmente e onde muitas vezes conseguimos recolher sementes! 😉

Se reconheces valor no nosso trabalho, fica a saber como nos podes apoiar em: https://bit.ly/2HDZBkv

Já conheces os nossos produtos ecológicos? Fica a conhecê-los em: https://bit.ly/2pgxNZi

Queres visitar o nosso espaço e aprender mais? Reserva já a tua visita aqui: https://bit.ly/2FfHrBq

Entrada em Julho

Com a entrada no novo mês, estamos todos em onda de festejo, pois celebramos a quarta “volta” ao Sol da nossa menina, felizmente com este verão tímido e agradável para se poder brincar e celebrar na rua. Nos últimos dias iniciámos também a preparação dos espaços, para a chegada do nosso conceito de oficina de trabalho móvel, que irá decorrer daqui a breves semanas, após a base de trabalho estar concluída. A serventia, os espaços e os caminhos estão prontos para serem utilizados confortavelmente e a horta está a evoluir de dia para dia, com mais comida a chegar em breve. As Nêsperas já foram e agora estão em alta, os Figos, os Alperces e Pêras que já estão a ser consumidos e que bem docinhos estão! 😉 Aproveitamos também esta época em que o Sol está mais “alto”, para corrigirmos a posição do nosso painel fotovoltaico para os 30º de inclinação, de forma a podermos “espremer” mais alguns preciosos amperes do sistema! 😉

Restauro de Equipamentos, Caminhos e Espaços.

A última semana tem sido de imenso trabalho. Ao mesmo tempo que abraçámos a construção da nossa oficina de trabalho móvel, temos dedicado parte do nosso tempo à limpeza / restauro de equipamentos, mas também na recuperação do exterior, nomeadamente equipamentos de verão, caminhos e espaços específicos do nosso projecto. A logística para fazer acontecer é sempre um desafio, mas lá nos temos arranjado para conseguirmos fazer evoluir mais um pouco as nossas competências, o solo e todas as outras áreas do projecto. A horta está a evoluir a olhos vistos e em breve publicaremos mais imagens da mesma. Esta semana contei com a ajuda da nossa pequenota na trituração de ramos e canas, cuja matéria utilizámos posteriormente nos caminhos entre canteiros, adicionando desta forma mais protecção e alimento ao solo. Surgiu ainda a oportunidade de embelezar e tornar mais funcional o espaço de refeições exteriores e o espaço de entrada no abrigo hobbit. Ambos estavam a precisar de algum carinho e sendo assim, adicionou-se estilha de casca de pinheiro como cobertura de solo para protegê-lo ao mesmo tempo que aumentámos o conforto na utilização dos espaços.

Nutrir para Colher e Evitar Desperdício.

As últimas duas semanas foram de loucos e não temos parado um segundo. Temos feito um pouco de tudo. Remoção/controle de canas e ervas; Limpeza de caminhos; Plantio, colheitas e transformação; Recuperações de mobiliário e equipamentos electrónicos. Aqui no projecto, o nosso solo está a regenerar-se a um bom ritmo, aguenta melhor a humidade e está mais rico e nutrido. Até o que colhemos, de ano para ano, está cada vez mais saboroso. Além do nosso trabalho no terreno, temos recuperado material electrónico funcional, que encontrámos literalmente no “lixo” e ainda mobiliário de madeira para lá caminhava se não nos tivesse sido doado.

Em relação à mesa de cabeceira, tratámos de limpá-la muito bem, por dentro e por fora. Retirámos as mossas e marcas de copos e ainda tinta que lhe tinha caído em cima. Por fim lixámos todas as peças e aplicámos protector de madeira. Ficou pronta e já está em funcionamento!

O computador que encontrámos estava funcional, foi só mesmo uma questão de limpar o interior, o exterior e o Sistema Operativo. Não coloquem este tipo de artigos funcionais no “lixo” ou na “reciclagem”. Há também ainda, outra espécie de “mamíferos invertebrados” que aceitam doações para partirem tudo, desmantelarem e venderem para o “ferro velho”, não se importando se os equipamentos estão funcionais ou se podem ter uma segunda vida ou não. Doem a quem precisa ou a quem pode colocar estes produtos a bom uso e com bons destinos. Não temos capacidade nem logística para recolher tudo o que nos oferecem, mas tentamos pelo menos contribuir para a resolução de uma parte do problema, canalizando recursos para onde faz sentido.