Actividades em Família

Nos últimos dias tem corrido imenso vento, o que torna inviáveis os trabalhos na rua, mesmo quando o sol espreita. Hoje atrevemo-nos, a continuar esta fase de recolha e redimensionamento das podas, podendo contar com os três elementos da família permabio. Em forma de brincadeira, redimensionámos, separámos, organizámos e arrumámos grande parte das podas do nosso espaço. Ainda temos bastante material para continuar o mesmo processo e outro maior para ser cortado a moto-serra. Hoje, foi possível suportar o trabalho na rua, pois o Sol estava bem quentinho. Estes recursos gratuitos, serão utilizados ao longo do ano, nos nossos conceitos de aquecimento a lenha. Nas próximas semanas contamos ter todas as árvores preparadas para a Primavera! 😉 Aproveitámos ainda para arrumar e preparar a nossa carrinha, para a uma primeira saída do ano e para uma breve revisão do seu estado, antes da próxima inspecção.

Recebendo Família

Esta semana ao mesmo tempo que fazíamos a manutenção dos conceitos recebemos a visita dos meus pais que deram uma ajuda preciosa, seja a brincar e a cuidar da neta enquanto trabalhávamos com afinco, ou mesmo metendo as mãos na massa, lixando e pintando connosco! 😉 Ainda nos trouxeram um novo Limoeiro e uma Laranjeira que plantámos em família e que a Gaia fez questão de ir regar interrompendo as suas “tarefas” na sua nova cozinha exterior feita com materiais reciclados ou reutilizados! 😉

Lenha, Ervas Cortadas e Plantações

Os últimos dias temos andado bastante ocupados pois esta semana estreámos o nosso abrigo hobbit com os primeiros ocupantes. Recebemos dois elementos de família próxima, que tiveram a oportunidade de usufruir das insfraestruturas que temos vindo a desenvolver no projecto. Ao mesmo tempo que vieram visitar-nos e viver outra realidade, aproveitaram para vir dar uma mãozinha no terreno recolhendo, quebrando e separando o diferente material vegetal que estava a aguardar ser reduzido a um tamanho inferior e colocado em caixas para secar e servir o nosso conceito de água quente a lenha.

Aproveitámos ainda para dar uma penteadela no terreno e plantar definitivamente mais mudas e propagações. Tudo se está a tornar mais bonito e aos poucos a devolver-nos em beleza, alimento, medicina, equilibrio mental e espiritual, todo o investimento que temos vindo a fazer ao longo deste último ano.

Entre ontem e hoje, plantámos mais hortelã, alfazema, cidreira, consolda, salva, funcho e aipo. Todas as outras espécies estão no seu processo de evolução e cada vez mais fortes. Segue em imagem o exemplo dos mirtilos, o pinheiro manso, o funcho, a salva, a larajeira, as alfazemas, as calêndulas, os alecrins, os loureiros, os moragueiros, a lúcia-lima, a hortelã, o marmeleiro, as capuchinhas, a artemisia, o poejo, as gingeiras, as bananeiras, as pereiras, as oliveiras, a consolda, o aloé, o incenso, o physalis, as figueiras carregadas de figos e tudo o mais que nos rodeia.

A cada dia que passa, temos mais variedade no sistema que estamos a montar com vista à nossa resiliência e ao desenvolvimento do nosso conceito de ecossistema humano sustentável. A nossa amiga Ana ainda trará nos próximos tempos mais algumas espécies para introduzirmos no sistema e complementarmos este lindo jardim comestível! 😉