Distribuição de Água Off-Grid

Actualização 2022 – O sistema conta agora com um sistema energético mais capaz com mais painéis, uma bateria com mais amperagem e uma bomba de distribuição com capacidade de 12L por minuto, tornando toda a experiência e operação equivalente à de uma instalação ongrid! 😉

Informação sobre o sistema inicial

Este é o mais recente projecto offgrid, concluído entre Setembro de 2020 e Agosto de 2021. Algo que há 5 anos queríamos ter montado mas que só agora surgiu a oportunidade e só agora as peças do puzzle mental se montaram. Estamos neste momento completamente independentes a nível de água para cozinha e banhos na bailarina a lenha. Para isso montámos a partir do sistema de colecta de água da chuva, uma bomba de água a 12v ligada ao nosso combo de painel solar/bateria, pressurizando a água a 5 bar, com capacidade de a debitar até 4 Litros por minuto, gastando apenas 2,6 amperes de energia. Adicionámos um corta corrente no sistema para manutenção, já testámos e afinámos a ligação à cozinha exterior e já tomámos banho no sistema. Foram ainda feitas algumas melhorias e renovadas algumas conexões com pequenas fuga. o plano agora é adicionar mais IBC’s de 1000l para multiplicarmos a capacidade de armazenamento.

Fogão a Gás

A utilização de combustíveis fósseis não é de todo a solução mais ecológica, mas compensa o facto de o termos retirado de uma situação de abandono ou de provável destino num aterro. Por funcionar independentemente e por não ser a única fonte de energia, torna-se um complemento e alternativa viável para uma vida offgrid.

Será utilizado principalmente no processamento alimentar de frutas e vegetais, conservas (compotas, geleias, caldas, pickles) e sopas. Este será um dos três elementos que utilizamos e que suportam a função de cozinhar. Quando as condições climatéricas permitem, continuamos a cozinhar a lenha ou no forno solar, como habitual.

Este fogão foi alvo de um processo completo de restauro feito por nós. Desmontamos o mesmo peça por peça, limpámos o exterior, o interior, os diferentes componentes, os botões, os bicos, os injectores, os tubos, parafusos… bem… foi um restauro completo para darmos uma segunda vida a esta peça. Como não utilizaremos os componentes eléctricos, retirámos toda a cablagem, os conectores, o grill, os sensores de temperatura, as faíscas e a luz interna. Retirámos ainda o isolamento traseiro do forno. O espaço interno do forno passará a ser utilizado como arrumação. Adicionámos apenas um tubo novo para gás, duas anilhas e a bilha. O novo adaptador para bilha chegou a custo zero em troca de um velho que vinha com o fogão.

No futuro poderá ser adaptado para funcionar com uma possível mini estação local de biogás! 😉